Poema ao Padre José Marchetti,

por irmã Ana Maria Conceição, mscs. 


- Um jovem padre italiano, vendo seu povo migrar

la vai multidões de italianos, para as Américas trabalhar.


- Ouvindo os apelos de Deus, Padre José Marchetti logo entendeu
migrantes partindo para as Américas: Com eles lá vou eu.


- Em sua primeira viagem, no navio tudo viu e escutou
Soluços e lágrimas de saudade, logo intuiu, na dor também está o Senhor!


- Com a morte de uma jovem mãe, em seus braços uma criança caiu,
“e agora? O que Deus quer de mim?” Orando, a ideia do orfanato surgiu.


- Sofrendo humilhações, de porta em porta ele vai,
recolhendo doações, dois orfanatos logo saem.


- Uma criança após outra, dezenas, centenas, chegou
de várias raças, culturas e cor, Padre Marchetti a todas abrigou.


- Nas fazendas de café, ele vai de carroça, a cavalo e até à pé,
ministrando os sacramentos, confortando, celebrando e abençoando.


- Percorrendo longas distâncias, num vai e vem sem cessar
Obediente as realidades, se doa no amor sem parar.


- Desprovido de riquezas, orou por uma luz, para ajudar seu povo
a carregar com amor sua a cruz. Padre José Marchetti, sua força foi Jesus!


- E num mar de tempestades, de dor e provocações
Sua fé, força e coragem, semearam para os migrantes, soluções.


- Pensar em si? Nem pensar! Um voto a mais ele se deu:
Não perder nem sequer um quarto de hora,
Pois o tempo não é seu, é de Deus!


- Pensar em si? Nem pensar! Sem parar, este São Paulo percorreu,
Este audacioso missionário, uma paixão o envolveu.


-Sabia ser peregrino, como Jesus de cá e de lá,
Migrante com os migrantes, se doando sem nada esperar.


- Diante da inevitável cruz, orou e se entregou,
Aprendendo da Eucaristia a ser servo sofredor.


- Socorrendo os doentes, o tifo também ele pegou
Aos 27 anos de idade, consumindo em caridade,
o bom Deus assim o levou.


-E hoje Padre José Marchetti, contamos com sua luz!
A interceder por nós, as melhores bênçãos de Jesus

56114.jpg